sábado, 23 de fevereiro de 2013

Alarme...


Desce da montanha
Um desespero denso

Não tem a ver comigo
Não tem a ver contigo
Nem tem a ver connosco
Apenas tem a ver com o ar poluído
Em que perpassam clarões...
... de tempestades

Sem comentários:

Enviar um comentário